InícioportalCalendárioGaleriaFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
SEJAM BEM VINDOS À ACADEMIA DE MAGIA LEGILIMÊNCIA!
NOVAS VAGAS PARA CARGOS ESCOLARES E MINISTERIAIS ABERTAS. CONFIRAM!
VOLTA ÀS AULAS!
NÃO DEIXE DE REGISTRAR SEU AVATAR E SUA FICHA DE PERSONAGEM!
TODOS OS AVATARES DEVEM TER O TAMANHO 200X400!

Compartilhe | 
 

 Orion Nosferato | Coordenador | Vampiro (Selecionado)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Orion Nosferato

avatar

Mensagens : 127
Player : matheus

MensagemAssunto: Orion Nosferato | Coordenador | Vampiro (Selecionado)   Dom Jun 20, 2010 11:54 am

Dados do Jogador



Nome: Matheus Antunes
Idade: 16 anos
E-mail / MSN: matheusantune1@hotmail.com
Conhece os livros de Harry Potter? sim
Tem algum outro personagem na AML? Qual(ais)? Não.
Já jogou RPG de Fórum antes? Sim, vários.

Dados do Personagem


Nome: Orion Nefastos Nosferato
Idade: 28 anos, mas uma aparência mais jovem.
Raça: mestiço
Data de Nascimento: 8/2/1984
Local de Nascimento: Roma, Itália

Pai: Joseph Weirich Nosferato
Mãe: Morgana Nefasto Nosferato
Irmãos:Lara Nosferato
Outros parentes: Não possuiu

Cabelo:curtos ,loiros quase brancos
Olhos: Cinzas
Altura:1.85
Estrutura do Corpo:Magro, porem forte.

Avatar: nicolas bemberg


Descrição Psicológica


Personalidade: Muito frio , não demostra emoção e adora fazer as pessoas sofrerem.
Anseios: Se tornar mais poderoso e sábio
Medos: Nada
Tendência: Mal

Profissional



Profissão: Coordenador do Instituto de Magia Especial de Anders (IMEA) e braço direito da diretora.
Varinha: Núcleo corda de coração de dragão, 33 centímetros flexível, ótima em transfiguração e conjuração.
Patrono: Dragão
Animal de Estimação: Nunca teve nenhum, o que ele teve, acabou tendo a cabeça esmagada.


História do Personagem


Orion Nefasto Nosferato, é um homem, mas especificamente um vampiro sanguinário. Filho mais velho de Morgana e Joseph. Foi estudar na Academia de Magia Legilimencia com seus onze anos, não fez nenhum amigo, sempre foi daquele tipo de aluno que sentava na primeira carteira copiava a matéria fazia o que tinha que ser feito e saia da sala e se trancava no dormitório. Orion fez isso durante todo o primeiro e segundo ano, não falava com ninguém, mas se dirigia aos professores, era quase imperceptível a presença dele em sala de aula, nunca tirou nenhuma nota baixa. Qual casa a dele? Obskurni. Bom, realmente isso pode parecer um pouco estranho, como um garoto quietinho e estudioso poderia ir para a casa dos astutos e popularmente os maus? Orion no seu terceiro ano, o mesmo que a sua irmã, Lara, entrou na escola, ele fez um amigo.Cirus. Eles não se desgrudavam um segundo sequer, viviam para cima e para baixo pelos corredores do castelo.

Em uma bela manha, eles acordam e foram dar um passeio pelo vilarejo de Legilismeade, os dois tinham autorização de seus pais, então saíram vilarejo a dentro, para dar um belo passeio. Mas algo deu errado nesse passeio, os meninos começaram a discutir, um queria ser melhor que o outro, Cirius olha para Orion com uma expressão de ódio e fala – Orion, vou socar essa sua cara e arrancar essa arrogância. Orion apenas abre um pequeno sorriso, um sorriso sombrio, que fez Cirius arrepiar-se de medo então por fim ele disse – Querido amigo, consegue socar sem o braço? Cirius ficou sem entender o que ele dizia, e ficou um pouco sem reação, e sacou a varinha. Orion ainda sorrindo friamente, e em uma fração de segundo sacou a varinha e apontou para o braço do amigo que segurava a varinha e sussurrou, com um tom de voz de arrepiar os cabelos de qualquer um – Bombarda! Como já era de se esperar, o braço do garoto explodiu, espalhando sangue por todo o lugar deserto onde eles estavam. Cirus caído no chão sem varinha totalmente desprotegido, sem um dos braços. Orion ria, uma risada macabra ao ver o garoto no chão, então apontou a varinha para a cabeça do menino e disse – Bombarda Máxima!

A cabeça de Cirius explodiu pelos ares. Isso mesmo, Orion matou o único amigo que tinha, por motivos fúteis, tudo isso quando tinha apenas 13 anos. Não tinha nenhuma testemunha, ninguém tinha visto aquela tragédia, exceto por uma menininha que olhava tudo um pouco assustada, a tal menininha era Lara Nosferato, a irmã mais nova de Orion, ele contou o que tinha acontecido para a garota e a fez jurar que não contaria nada a ninguém. E foi isso que ela fez, e até hoje eles guardam esse segredo. Orion voltou ao castelo e alguns dias depois foi descoberto o assassinato de Cirius, e ninguém suspeitou do menino quietinho e estudioso. No decorrer dos anos Orion não fez nenhum amigo, ele só falava com a sua irmã, e mesmo assim muito mal. Quando chegou no seu quinto ano só o seu olhar frio, que ele lançava já espantava qualquer alunos de perto dele. Orion era extremamente mal encarado e rebelde, foi um adolescente daqueles que falou ‘’ai’’ ele batia, ou até mesmo mataria sem dó, nem piedade, ele nunca importou-se com a raça das pessoas, sangue puro, mestiço para ele sangue bom, era sangue derramado. Seus pais começaram ficar com um pouco de medo do garoto, a única pessoa que não tinha esse medo era Lara.


Orion quando chegou no seu sétimo ano era o mais revoltado na escola, foi pego varias vezes tentando esganar algum aluno que ousasse insultá-lo de alguma maneira. Quase todos os dias estava na sala do diretor por se meter em encrencas, o que não abalava Orion, que ouvia as broncas e ameaças dos professores sem expressar nenhuma reação, como sempre, ele frio e calculista. Uma tarde dessas, depois de ouvir uma bronca do diretor, por ter socado a cara de um dos alunos enquanto tomavam café da manha, o garoto revoltado saiu escola, indo para o vilarejo de Legilismeade. Ele ficou caminhando por lá horas e horas, quando deu por si, já estava anoitecendo, mas quando ele vira-se para voltar ao castelo, vê um homem caindo a sua frente, Orion pela primeira vez em 16 anos assustou-se, mas não expressou nenhuma reação, apenas desviou-se do homem e seguiu andando. Mas livrar-se daquele homem não seria tão fácil como parecia, o homem em uma fração de segundo parou a frente dele novamente, dizendo – Garoto quieto, tenho planos pra você. Dizendo isso o homem abriu a boca, deixando os dentes saírem, e foi ai que Orion percebeu que o homem era um vampiro os pensamentos de Orion eram os mais diversos possíveis, mas o que predominava era a força, se ele transformar-se e um vampiro, teria mais força bruta, e não precisaria usar a varinha para matar alguém quando quisesse, isso mesmo, ele gostava de fazer as pessoas sofrer por suas próprias mãos, gostava de sentir o medo que ele proporcionava e sentia mais prazer em fazer isso sem usar a varinha.

O homem conversou um tempo com Orion, que como sempre, respondia as perguntas sem expressar sequer uma reação. No final de um pequeno dialogo, o vampiro puxa Orion pelo braço, o fazendo sentir uma dor incrível, mas ele não solta nenhum ruído. O Garoto de 16 anos, Orion Nefastos Nosferato, sente os dentes da criatura cravados em seu pescoço, e sente seu sangue sendo sugado. Ele sentia seu corpo fervilhar e uma dor incrível percorrer suas entranhas. Orion fica caído no chão sentindo seu corpo queimando por dentro. Depois de alguns dias ele acorda em uma maca, da enfermaria da Academia, com alguns professores ao seu lado. Ele sente uma sede diferente, ele podia sentir o cheiro do sangue das pessoas ail presentes. O diretor olha para ele e diz – Nosferato, ou você se controla, ou teremos que transferi-lo de escola. E foi isso basicamente, agora o adolescente sem escrúpulos, sem medos, sem vida, agora era um vampiro, sugador de sangue e extremamente forte fisicamente, quase impossível de se derrotar. O sétimo ano do Nosferato, agora assim que era chamado na escola, nenhum aluno ousava chegar perto dele, o medo que todos sentiam era inenarrável, por onde ele passava abria o caminho pela escola. Assim que ele terminou a escola, acabou indo trabalhar em uma outra escola Anders, uma escola para mestiços, vampiros, lobisomens, meio veelas, sereias, gigantes emfim, todos aqueles que não fossem "Sangue-Puro". Ele tornou-se coordenador da escola. Orion tinha uma grande fascinação por espadas... Depois de pesquisar muito encontrou uma que seria a sua cara e a conjurou.

Del Muerte: A lenda diz que foi uma espada forjada pelos ciclops celestiais, metade de sua lamina (a de baixo) e um aço comum e a outra metade e de cobre (metal que diz a lenda que mata Deuses) a espada não tem harmonia entre sí , mas mata tanto mortais quanto Deuses . A espada tem cabo preto. Ele usa mais essa espada do que a própria varinha, Orion tem veneração por espadas, e a principal função da sua varinha é conjurar espadas.

Quando sua irmã, Lara Nosferato formou-se na academia de magia legilimencia, ele foi visita-lá, Lara tinha transformado-se em uma replica feminina do seu irmão, era má e perversa. Ele resolve morder a garota, quando tinha 17 anos, e transformar-la em uma vampira, e sim deixar a garota ainda mais parecida com ele. Orion Nosferato mordeu a sua irmã, e a levou para trabalhar com ele no Instituto de magia especial e Anders. Quatro anos depois, Lara Nosferato, com a ajuda de Orion tornou-se diretora da escola, e é uma ditadora, e Orion até hoje influencia sua irmã nas decisões tomadas na escola. Hoje com 28 anos Orion é um ditador ao lado de sua irmã. Quando algum aluno é transferido para o Instituto, é assustado, dizendo – Que pena, você caiu na mão dos Nosferato.


Teste de ação – Vampiro


''Chegou a hora...''

Narração
Cirius
Falas



Era o tão esperado dia para a formatura de alguns alunos do sétimo ano na academia de magia Legilimencia. Orion, que tinha estudado 7 anos lá, foi,mas não para matar a saudade da escola e sim para fazer o que ele estava esperando a muito tempo, que a sua irmão, Lara, formar-se logo, para ele poder continuar o seu planinho maquiavélico. Lara estava caminhando pela escola, sentido a saída, e Orion no grande portão do castelo a espera da irmã, que como ele não expressava emoção em vê-lo. Ele sorri para a garota e diz um sorriso frio – Srta. Nosferato? HOHO, agora és uma mulher. Lara sem sorrir apenas diz – O que você quer Orion. O irmão com o mesmo sorriso frio nos lábios diz. – Vamos dar uma voltinha... Ele pega Lara pelo braço um tanto violentamente, já que era muito mais forte que a menina, ela a conduz para fora das propriedades do castelo, a levando até Legismeade, um lugar que trazia algumas recordações ao vampiro, e não eram recordações boas. Orion enquanto puxava a irmã pelo braço, via algumas imagens de alguns anos atrás passando pela sua mente.

O vampiro caminhava pelo vilarejo, e começava a ouvir algumas vozes falando come ele ‘- Eu era seu amigo Orion...’ Orion assustado, começa a procurar da onde aquela voz vinhas. Ela volta a segurar o braço da irmã, com muita força, que agora começa a reclamar, mas o vampiro começava a ficar cada vez mais alucinado e não ouve a voz da irmã, apenas ouve uma voz conhecida dizendo novamente ‘- Eu era o seu melhor amigo...’ Ele joga Lara no chão deixando a garota rolar uns 3 metros para longe dele. Orion começa a gritar para o nada falando – Quem está ai? O Vampiro procurava por algo, ou alguém que estivesse falando com ele. Lara Levanta-se um pouco machucado e diz num tom ríspido – Aqui que você matou seu amiguinho... lembra? Por isso essa loucura toda? Agora o vampiro sentia-se descontrolado, a imagem de seu amigo Cirius começa a perambular por sua mente. Ele para e diz – É coisa da minha cabeça. Orion fica mais algum tempo parado, tentando voltar ao controle do seu corpo. Então ele vira-se e se depara com cirius... ou o que seria o fantasma dele. O amigo de Orion com 13 anos, a mesma idade que ele tinha, quando Orion o matou.

Orion sentia-se totalmente descontrolado ao ver o fantasma de Cirius. Lara olhava o irmão com uma cara de espanto ao vê-lo girando, como se quisesse pegar alguma coisa, nos olhos de Orion ele tentava agarrar o fantasma de Cirius. Lara da um grito, fazendo Orion despertar e lembrar o que foi fazer ali... transformar a sua irmã mais nova em uma igual. Lara que agora estava sentada no chão observando Orion continuou sem expressão, esperando o irmão falar o que foi fazer com ela. Orion caminha lentamente até Lara, agora mais sério do que nunca, com a respiração ofegante. Ele puxa Lara pelo braço, com uma certa força, machucando a menina, a fazendo levantar. Lara diz – O que você vai fazer comigo Orion? Orion não responde, apenas deixa seus olhos avermelhados e as suas presas crescerem, logo em seguida crava os dentes do pescoço de Lara, que da um grito de dor. Orion continua sugando o sangue da menina, sem parar, cada gota de sangue que descia pela sua garganta era uma das melhores sensações... Sangue. Orion ouve na sua cabeça novamente a voz de Cirius ’ – Você vai matá-la Nosferato ... Pare...’’ Lara agora já estava desmaiada, Orion ouvindo a voz, tira as presas do pescoço da irmã, vendo a marca que havia deixado. Ele percebe que ela ainda estava viva... Então Orion pega Lara no colo e aparata com ela para sua sala em Anders. Onde ele começaria a preparar a garota, para planos futuros.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Dalmo, o Elfo Domestico*

avatar

Mensagens : 76

MensagemAssunto: Re: Orion Nosferato | Coordenador | Vampiro (Selecionado)   Sab Jun 26, 2010 4:56 pm

Bem vindo Sr.Antunes,

Aguarde que em breve sua ficha será liberada.
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Orion Nosferato | Coordenador | Vampiro (Selecionado)
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Diário de um Vampiro - Cain Hargreaves
» Livro Vampiro: A Máscara V20 traduzido
» Clãs de Vampiro a Máscara -3d&T
» Valeren
» Ventrue AT

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Academia de Magia Legilimência :: Fichas ~-
Ir para: